ed 04/2008 : caiman.de

revista de cultura e viagem para américa-latina, espanha e portugal : [edição atual] / [primeira página] / [arquivo: edição/país/coluna]
deutsch// 


[art_3] Brasil: E a Bossa Nova?
À procura de uma tarde ensolarado na praia

No inverno brasileiro de 1958 surgiu uma nova onda na musica brasileira: a Bossa Nova. Segundo o escritor brasileiro Ruy Castro, a Bossa Nova nasceu no bairro carioca de Ipanema, pois todos os seus criadores mais importantes  moravam, nesta época, naquele bairro charmoso.

O cantor, violonista, compositor e produtor musical Paulo Dáfilin


Eram os jovens da classe media alta carioca que curtiram a praia tocando violão com um toque de jazz nas tardes ensolaradas durante os "anos dourados do Rio", no final dos anos cinqüenta e começo dos sessenta, até o golpe militar de 64 acabou com a festa.

Foram as musicas de João Gilberto, Tom Jobim, Ronaldo Bôscoli e Luiz Bonfá com suas batidas típicas de violão acústico, bateria e piano que fizerem com que a Bossa ficasse conhecida no mundo inteiro. "Chega de saudade", "Desafinado", "Samba de uma nota só" e, principalmente, "Garota de Ipanema" até hoje espalham sua mistura entre melancolia e alegria nos bares noturnas do mundo inteiro.

Alguns dizem que o reinado da Bossa Nova foi curto e terminou em meados dos anos sessenta. Será? Fato é que nunca se vendeu tantos discos de Bossa Nova como nos últimos quinze anos.



Perguntamos ao cantor, violonista, compositor e produtor musical Paulo Dáfilin sobre o legado da Bossa Nova.

Qual foi a contribuição da Bossa Nova para a musica brasileira?
O que a Bossa Nova mais contribuiu para a musica brasileira foi ao nível de harmonização. Ela traz uma influencia do jazz - engraçado que as pessoas falam que é o contrario, mas ela trouxe uma influencia do jazz, misturado com samba.

Foi o pessoal da classe media e media alta que começou a tocar o samba, mas tocando com uma harmonia mais jazzista. Depois foi o avesso do avesso e ela acabou influenciando o jazz.

Por que? Na época já existia Bebop com uns improvisos onde ninguém cantava a melodia. O que aconteceu? As melodias da Bossa Nova acabaram influenciando e todo mundo gostava. Havia melodia, aquela harmonia jazzista, e tinha melodias tranqüilas que as pessoas cantavam.

Assim, muitos americanos gravaram musicas bossas porque eles se reconheciam com essa melodia mais tranqüila. E no Bebop não tinha essa melodia estampada.

E para a musica brasileira a Bossa Nova era um momento. Teve varios outros momentos. O violão brasileiro é divido entre antes e depois da Bossa Nova. Mas não digo pra você qual é o melhor.

Você pode mostrar a diferença?
Antigamente se tocava assim: bossa-nova.mp3

A Bossa Nova veio da classe media. Ela não perdeu a rebolada, mas foi tocada de uma forma mais contida. E modificou muito os cantores também. Acabou o tempo daqueles cantores de peito que o Brasil tinha antigamente. E a partir dai todo mundo podia cantar mesmo com uma voz menor.

Depois teve o movimento da Tropicália (1968), que foi um movimento muito forte. A Tropicália já veio abraçando a globalização. Não foi aí que se perdeu, mas depois começa a confusão. Pois a abertura não era para ser assim.

Depois tinha a "Passeata das guitarras", que era um movimento anti guitarra. A concepção do movimento anti guitarra não era contra o instrumente em si, mas contra a maneira de tocar. Em conseqüência disso, até hoje você não encontra um guitarrista brasileiro tocando musica brasileira. Ou ele toca com 80% da característica do Rock’n Roll, ou com 80% de Jazz. Mas um guitarrista brasileiro? Quando eles tocam, parecem mais com americano do que com brasileiro.

Porque a Bossa Nova acabou tão rapidamente?
Porque veio a Tropicália e a MPB. A Tropicália abraçou a Bossa Nova, e a qualidade também estava lá. Só que eles abriram o estilo para ser uma coisa mais jovem. E isso trouxe para o Brasil uma outra característica sonora que todo mundo começou a abraçar. Quem começou este novo estilo sabe onde está o fio, a seqüência. Mas muitos que vieram depois perderam essa ligação e a coisa foi em direção para uma outra característica. E neste momento o big business entrou....

O que aconteceu? Houve uma supervalorização do interprete. Assim, os compositores começaram a cantar, e não só os bons interpretes da época, como Jair, Elis e Agustinho dos Santos. O mercado se abriu para qualquer pessoa cantar também. E esses novos interpretes não tinham uma grande voz e nem uma visão artística. E ai a coisa veio decaindo. Mas o povo abraçou isso, e hoje a segunda ou terceira geração nem entende mais disso, as pessoas não entendem a divisão entre musica e arte. Mas existe uma arte atrás.

A Bossa sumiu por causa disso. É uma musica de qualidade, e tudo que é de qualidade sumiu do mercado. Mas a Bossa Nova não sumiu do mundo, ela apenas sumiu do mercado. Hoje em dia você não encontra mais uma radio que toca musica de qualidade. Claro que o conceito de musica de qualidade é bastante relativo, mas é uma coisa que está calcada à arte. E não é feita apenas para ganhar dinheiro.

Texto, entrevista e fotos: Thomas Milz

[print version] / [arquivo: brasil]

 

 


© caiman.de : [disclaimer] / [imprint]